05/05/2016 - Editorial
Debandada geral


 Os policiais identificaram cerca de 400 portugueses morando no DF. Alguns, eles dizem, deixaram a capital depois da operação da Corf. “Estamos atrás de um dos integrantes do bando, que conseguiu escapar. Ele circulava pela cidade com um SUV de luxo”, afirmou Lisboa.

Todos os presos na operação permanecem no Centro de Detenção Provisória (CDP), no complexo penitenciário da Papuda. Os integrantes da quadrilha tiveram a prisão temporária revertida para preventiva e vão aguardar o julgamento atrás das grades. “Essas pessoas deverão ser expulsas do Brasil somente após o cumprimento da pena no país”, afirma o delegado.




| Mais
Comentários
Comente
Nome:

Email:
não será publicado
Comentário:

Chave:
Enquete
 
Você é a favor de Barreiras Eletrônicas ao longo da Avenida Araucárias?




Votar    Ver resultados
 
Jornal de Águas Claras
© Todos Direitos Reservados